Cristão Esperança

Postado em
0

por Perilo Borba

Todos os anos, há quase duas décadas, nos deparamos com a divulgação de uma campanha da Unesco em parceria com a Rede Globo, chamada “Criança Esperança”. Não tenho muito o que falar da mesma, pois não conheço os seus bastidores. Mas, por aquilo que é propagado, parece ser uma excelente iniciativa que ajuda milhares de crianças carentes na nossa nação.

Hoje, a programação deste canal de TV é toda voltada para a campanha, culminando com um grande show à noite, durante o qual milhões de reais serão arrecadados em doações. Contudo, o que mais me chama a atenção no Criança Esperança 2014 é o seu slogan: Quem recebe, ganha. E QUEM DOA TAMBÉM”.

Dar é uma prioridade dos sábios. E este slogan retrata sim uma grande verdade bíblica. Dar não é perder. E receber não é a melhor forma de se ganhar. Quem doa, também ganha. Na verdade, quem doa é quem mais ganha.

Melhor é dar! Segundo o apóstolo Paulo, este foi um ensinamento do próprio Senhor Jesus: “Há maior felicidade em dar do que em receber” (Atos 20.35b – NVI).

Sabe aquela alegria de quando recebemos um grande presente!? Aquela expectativa de abrirmos a embalagem que recebemos… pois é, não deve ser maior do que a alegria de embalarmos algo que nós daremos. Afinal, “Deus ama ao que dá com alegria” (II Co. 9.7).

Quando damos para beneficiar outros, embora custe algo para nós, não estamos perdendo, mas investindo. É como uma semente, haverá uma colheita. É uma lei, um princípio, funciona para quem decidir experimentar. Mesmo que ninguém saiba ou que ninguém lhe veja doando, “o Seu Pai que vê em secreto, Ele lhe recompensará” (Mt. 6.4).

Quem recebe, tem um testemunho para contar. Quem doa, também!

Quando damos, mesmo que a nossa carne nos leve a sentir um momentâneo pesar, o nosso espírito se alegra. A nossa consciência tem aquele dever de “missão cumprida”. Isto porque, por termos nascido de novo, a nossa nova natureza tem a mesma característica da natureza divina. Dar faz parte do caráter de Deus. Ele nos amou de tal maneira que nos deu Jesus (Jo. 3.16). Ele também é galardoador daqueles que O buscam (Hb. 11.6b). Como um Pai, Ele tem prazer em nos dar aquilo que pedimos, e sempre nos dá abundantemente mais (Ef. 3.20).

Quando damos, além de ganharmos uma colheita, podemos também ganhar um sorriso, um abraço, um perdão, ou até mesmo uma vida para Jesus. Mas, o maior ganho de quem dá não deve ser o de ver na sua vida o resultado do que ele deu, mas sim o de vê-lo na vida de quem recebeu.

Dê esperança para os outros. Mas, também a dê para si. “O generoso terá um futuro próspero. Quem alivia outros, alívio receberá” (Pv. 11.25). Talvez, você se encontre sem esperanças. Em uma situação delicada, cheio de necessidades. Alguns irmãos na Macedônia também estavam assim, “em meio a uma grande tribulação”. O que eles fizeram? Ficaram esperando receber alguma coisa? Não! Eles MANIFESTARAM ABUNDÂNCIA DE ALEGRIA PARA DAR. Na verdade, eles rogaram para poderem dar, mesmo dando segundo as suas poucas posses (II Co. 8.1-5). Que exemplo!

Faça questão de ser quem primeiro dar. Seja cada vez mais generoso. Torne-se um doador nato. Não só de dinheiro ou de bens materiais. Nesta semana, doe mais abraços, sorrisos, perdões… Doe o seu tempo, os seus talentos e a sua atenção para os outros. Até mesmo para os seus inimigos! Sacrifique-se e se dê em favor dos outros. No reino de Deus, quando se “perde” aí é que, na verdade, se ganha!

Curta a nossa fanpage: facebook.com/sabiasprioridades

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA