Amar é Servir

Postado em
0

Ali, naquele lugar de oração, Ana contou com a grande benção de ver Jesus ainda menino e discernir que Ele era a tão aguardada Consolação de Israel. Quem ora, vê o cumprimento de promessas. Quem ora, discerne o que está acontecendo. É assim que devemos andar. Vendo coisas que ainda não são visíveis aos demais, com o discernimento apurado, gerando ambientes pela Fé.

Manoel Dias é Integrante da Diretoria MVV

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA